Erros Comuns

1.

Correto
Incorreto
correto
incorreto

Um dos erros mais frequentes na instalação de mangotes é o posicionamento de seu centro de rotação.
Existe apenas uma posição correta, sobre o ponto de intersecção dos eixos centrais das duas tubulações conectadas. As distâncias do ponto de intersecção a cada face dos flanges de conexão deve ser a mesma em ambos os lados. A soma dessas duas medidas deve ser igual ao comprimento do mangote.

 

2.

Correto
Incorreto
correto2
incorreto2

O centro de rotação não deve coincidir com a região de flangeamento, que é um ponto de acúmulo de tensões.
A opção é instalar um único mangote com comprimento igual à soma dos dois.

 

3.

Correto
Incorreto
correto3
incorreto3

Evite “curvar” o mangote além de seu raio mínimo de curvatura.

 

4.

Correto
Incorreto
correto4
incorreto4

Neste exemplo, o mangote é desnecessariamente longo. O centro de rotação está incorretamente localizado, acarretando a distorção do mangote.

 

5.

Correto
Incorreto
correto5
incorreto5

Evite o uso de abraçadeiras que obriguem o mangote a assumir posições forçadas. Não instale o mangote sobre terrenos acidentados, como por exemplo na conexão entre a linha flutuante e a linha de terra. Neste caso, o material dragado desgastará rapidamente o mangote.

 

6.

Correto
Incorreto
correto6
incorreto6

Não instale o mangote imediatamente após tubulações curvas, pois o impacto direto do material dragado sobre uma pequena área causará seu desgaste prematuro. Procure instalar o mangote no lugar da curva metálica*, pois o desgaste será distribuído por toda a superfície. De tempos em tempos, gire o mangote de 60° a 90° para que o desgaste seja uniforme em toda a seção.

* A borracha apresenta resistência a abrasão muito superior aos materiais metálicos.

 

7.

Correto
Incorreto
correto7
incorreto7

Não acople o mangote muito próximo da entrada ou da saída de uma bomba centrífuga. A rotação do material abrasivo, especialmente em linhas muito longas, é transmitida para a tubulação instalada perto da bomba, causando o desgaste prematuro da mesma. É aconselhável manter uma distância de uma a duas vezes o diâmetro nominal. Atualmente são fabricados bocais de borracha flangeados em materiais de alta resistência à abrasão, instalados nesses pontos críticos como peça para desgaste.